Digital Influencer: procura-se

digital influencer

A internet deu voz, imagem e espaço pra muita gente.

Com o advento das redes sociais, ídolos foram criados da noite para o dia. Antes, o espaço da mídia era restrito às grandes empresas de comunicação. Atualmente, qualquer pessoa em casa consegue montar um canal de televisão, uma rádio, ou um jornal na internet. Conteúdos diversos foram produzidos e compartilhados por milhares de pessoas, algumas delas com muito sucesso, outras com nenhum. A “profissão” de digital influencer surgiu no processo, sendo até retratada em novela. Empresas e agências de publicidade costumam realizar campanhas de divulgação com essas pessoas, devido ao alcance e à relevância que elas têm no público de determinados nichos.

Como se tornar um digital influencer?

Nem sempre a mera vontade em ser um influenciador adianta alguma coisa.

Você pode até procurar no Google um tutorial de “como ser um digital influencer”, mas sem TÉCNICA, COMPROMETIMENTO e RELEVÂNCIA, você não conseguirá se tornar um.

O primeiro fator você consegue aprender. O segundo, você consegue alcançar com muito esforço pessoal. Já o terceiro – que é o mais determinante – você só consegue se tiver um talento nato para convencer o público de que você é alguém cuja opinião vale a pena seguir.

Com o fator “público” na equação, concluímos que uma pessoa só consegue ser um digital influencer se for RECONHECIDA como tal, independente da sua vontade de se tornar um.

Por isso, amiguinhx, se você se sentiu tentadx em responder ao chamado do título desse post, saiba que você ainda não se tornou um influenciador. Se você fosse um, NÓS estaríamos atrás de você, e não o contrário.

Mas não desista! Os grandes digital influencers precisaram trabalhar muito para chegar onde chegaram. Continue estudando, se comprometendo consigo próprio e com seu trabalho e criando conteúdo relevante e original 😉💪

Fabian Ponzi

Fabian Ponzi

Publicitário | PNZ Comunicação

POSTS RECENTES